sábado, 16 de julho de 2011

Amar:


Fechei os olhos para não te ver
e a minha boca para não dizer...
E dos meus olhos fechados desceram lágrimas que não enxuguei,
e da minha boca fechada nasceram sussurros
e palavras mudas que te dediquei...

O amor é quando a gente mora um no outro.

Mário Quintana

2 comentários:

  1. adorei suas reflexões!
    bjs Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

    ResponderExcluir

Obrigada por visitar meu Blog!!!