quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

O Projeto e a interdisciplinaridade

O projeto também pode ser feito a partir de um conteúdo disciplinar. O importante é que o seu desenvolvimento não se feche em si mesmo. Acerca disso, Almeida (2002) destaca que
[...] o projeto rompe com as fronteiras disciplinares, tornando-as permeáveis na ação de articular diferentes áreas de conhecimento, mobilizadas na investigação de problemáticas e situações da realidade. Isso não significa abandonar as disciplinas, mas integrá-las no desenvolvimento das investigações, aprofundando-as verticalmente em sua própria identidade, ao mesmo tempo em que estabelecem articulações horizontais numa relação de reciprocidade entre elas, a qual tem como pano de fundo a unicidade do conhecimento em construção. (ALMEIDA, 2002, p.58).

Interdisciplinaridade

A interdisciplinaridade se caracteriza como uma categoria de ação. Assim, a integração entre disciplinas se faz na prática, no desenvolvimento do currículo que trata o conhecimento em sua globalidade. Essa atitude diante do conhecimento não elimina, evidentemente, as disciplinas como um corpo organizado de conhecimentos, mas estes podem se integrar a conhecimentos de outras disciplinas, no estudo de determinado fenômeno ou no desenvolvimento de um projeto. O uso de tecnologias permite, com efeito, retomar a visão de conhecimento em sua unicidade por meio do estabelecimento de ligações em redes que integram ideias, conceitos, experiências, padrões de distintas áreas e disciplinas, reconfirmando a relatividade da ciência e a noção de espaço-tempo.
Por sua vez, a divisão entre as disciplinas não é estática e ocorre à medida que se aprofundam os conhecimentos de determinada área cuja compreensão exige estudos especializados. Essa especialização tornou-se, contudo, tão intensa que os vínculos entre as disciplinas se perderam, e cada uma delas passou a ser ministrada isoladamente na ótica de um corpo teórico que perdeu a ligação com a prática e de uma estrutura de sistema de ensino que se apoia num quadro de professores e de horários preestabelecidos para cada disciplina.
Julgamos, ainda, pertinente ressaltar que a pessoa aprende quando estabelece relações entre novas informações com conhecimentos que possuía e constrói novos significados. Isso ocorre tanto no âmbito de uma disciplina como na integração entre disciplinas.

FONTE
Curso Tecnologia na Educação: Ensinando e aprendendo com as TICs

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por visitar meu Blog!!!