segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Você acredita em milagres?

Houve um tempo em que eu não acreditava em milagres...
Olhava para o mundo ao meu redor sem enxergar o extraordinário da vida.
Nesse tempo, uma flor era uma flor. Uma estrela era uma estrela.
Não me causava espanto o encanto e a perfeição do Universo.
O sorriso de um dia amanhecendo não enchia meu peito de luz.
A serenidade da chuva caindo não me fazia repensar a vida.
A persistência de uma árvore resistindo ao vento não me motivava a ser forte.
A sinuosidade perfeita de um caminho não me inspirava a seguir em frente.
Nesse tempo eu andava pelo mundo como quem está cego para o essencial da vida.
Mais tarde compreendi que só quem acredita pode ver um milagre.
E que os milagres estão por toda parte, basta abrir os olhos para crer...
Estar vivo.
Respirar.
Adormecer.
Acordar.
Sentir o coração bater.
Milagres acontecem todos os dias, em todas as esquinas, jardins e oceanos.
Mas, para serem vistos, é preciso alargar os horizontes dos olhos e do coração.
Porque um milagre visto ou sentido de longe pode se disfarçar de banal e corriqueiro, desimportante mesmo.
Mas um milagre, quando observado rente ao olho, é deslumbramento infinito.
E depois, quando você olha para o comum e vê nele um milagre, eles se multiplicam à sua volta...
Uma gota de chuva.
Um floco de neve.
Um grão de areia.
Um raio de sol.
Aos poucos fui percebendo que há milagre também quando algo impossível um instante atrás se afirma diante de nós.
É acreditar desacreditando, para redobrar o espanto de comprovar depois.
Porque, se você duvidar de coração, vai conseguir perceber...
Gerar uma vida.
Escapar da morte.
Ter fé.
Amar e ser amado.
Perceber a mão de Deus agindo sobre nós.
De vez em quando eu me perguntava se o milagre estaria apenas nos olhos de quem o vê e no coração de quem o sente.
Porque tem gente que parece nascida para encontrar milagres em todo canto.
Tem quem carregue milagre no bolso, na aba do chapéu, ali, escancarados para qualquer um ver.
Mas eu fico pensando que pessoas assim talvez sejam, elas mesmas, um milagre...
Uma criança.
Um velho.
Um sábio.
Um palhaço.
Um poeta.
A essa altura, eu já me questionava... Porque será que algumas pessoas precisam passar por situações-limite para ver e crer em milagres?
Pois 1% da sua esperança, para Deus, é 100% de chance de cura.
Para quem acredita, uma pequena probabilidade é certeza absoluta.
Para quem tem fé no que busca, acreditar é o mesmo que conseguir.
Quantas pessoas que hoje veem seu filho correr pela casa se lembram do médico lhes dizendo que jamais poderiam gerar uma criança?
Quantas pessoas quase acreditaram em quem duvidava delas, achando que seus sonhos eram impossíveis, e hoje estão realizadas e felizes com o caminho escolhido?
O milagre existe para mostrar que os limites humanos podem ser ultrapassados. É nessa lógica que devemos acreditar.
Quando todas as tentativas fracassam, quando a força acaba... Deus surge e faz o milagre.
Mesmo assim, há quem não acredite...
Para acreditar é preciso imaginar. Só quem imagina um milagre é livre para sonhar e realizar o impossível...
Descobrir o fogo.
Atravessar oceanos.
Construir civilizações.
Voar.
Conquistar a Lua.
Hoje eu acredito em milagres! E preciso que você também acredite.
Porque o milagre preenche de sentido o caos do mundo.
Quem acredita em milagres tem a capacidade de ver o invisível.
Quem acredita só naquilo que vê já está deixando de ver muita coisa.
Olhe em volta e você verá que existe um milhão de motivos para acreditar em milagres.
E se não puder acreditar de coração, pelo menos que faça como o poeta...
“Se podes ver, olha. Se podes olhar, repara.” José Saramago
Seja qual for o lugar aonde você quer chegar, acreditar te leva lá!
Da Via Láctea ao fundo do mar.
Da flor da pele ao coração.
Do centro da Terra ao topo das montanhas.
Os milagres existem.
É só abrir os olhos e a alma para ver!
E a vida... Ah, a vida é muito mais plena de sentido para quem acredita em milagres!

CAVALCANTE, Anderson. Você acredita em milagres? Rio de Janeiro: Sextante, 2011.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por visitar meu Blog!!!