terça-feira, 29 de novembro de 2016

Hoje, todos os clubes do Brasil são um só!!!

Lucas Gomes, Ex-jogador do Icasa está entre as 76 vítimas em acidente com avião da Chapecoense

A Polícia de Medellín, na Colômbia, já confirmou a morte de 76 pessoas que estavam no avião com a delegação da equipe catarinenses de Chapecó. Cinco pessoas foram socorridas – três jogadores e dois jornalistas. No voo, estavam 81 pessoas, incluindo 72 passageiros e nove tripulantes. No total, eram 48 membros da Chapecoense, incluindo 22 jogadores, 21 jornalistas da Fox TV, TV Globo, RBS e rádios, além de três convidados, e tripulação.

A tripulação saiu de Guarulhos, em São Paulo, para Bolívia em voo comercial. Após escala técnica, deixou Santa Cruz de La Sierra em direção a Medellín. Quando sobrevoava a região de Antióquia perdeu contato com o aeroporto, que confirmou o acidente. A causa do acidente teria sido uma pane elétrica. Ainda de acordo com a imprensa local, o piloto teria liberado combustível para evitar explosão após o pouso forçado. Essa já é a maior tragédia envolvendo um clube de futebol no mundo.

Segundo noticiou a imprensa colombiana, o local em que o avião caiu seria de difícil acesso. Além disso, o mau tempo na região metropolitana de Medellín atrapalharia ainda mais o resgate. Dois helicópteros da força aérea do país sobrevoam a área para auxiliar no trabalho das equipes de resgate. Dentre as mortes já confirmadas, está o atacante cearense e ex-jogador do Icasa, Lucas Gomes, com passagem pelo time juazeirense em 2014.

O modelo do avião é o Avro Regional Jet 85, também conhecido como Jumbolino, de matrícula CP-2933, produzido pela British Aerospace. A equipe disputaria, na quarta-feira, a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, contra o colombiano Atlético Nacional.
Com informações Uol e AFP.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por visitar meu Blog!!!